sexta-feira, 6 de maio de 2011

Senilidade

Conforme prometido, não vou tecer comentários acerca do Benfica, do Porto, Braga, etc. Em vez disso vou-vos contar uma história.


O meu avô (figura que uso de cada vez que não quero identificar o verdadeiro visado) está a ficar senil.
De todas as vezes que se senta à mesa no ínicio da refeição diz-se cheio de fome, cheio de vontade de comer este mundo e o outro. Vai logo avisando que vai comer tudo que houver para comer. Segundo ele, não vai sobrar nada para ninguém. Está na mesa para comer e não para fazer amigos.
Nós já o conhecemos e não ligamos nenhuma. É próprio da idade e do estado clínico. No fundo é boa pessoa, simplesmente não tem noção da realidade. É como se vivesse num mundo só dele onde é Rei e Senhor, onde todos lhe prestam vassalagem e o olham com admiração e respeito.
Com o passar da refeição vai tocando no pão... Mas o meu primo Amadeu estica o braço e assambarca a regueifa! E pensa... Bem, não comi o pão mas vou comer o resto! Então tenta a sopa... Mas vem a minha avó Cremilde e assenhora-se do caldo! E pensa... Bem, não comi o pão nem a sopa mas vou comer o resto! Então atira-se ao frango... Mas o meu tio Horácio é mais rápido.
Então pensa... Bem, não comi o pão, não comi a sopa nem comi o frango, mas raios me fodam se não vou comer o resto!
Bom, no fim quando todos estão saciados, acaba por ficar a olhar para nós, estarrecido e sem palavras. Conforme previsto, lá se contenta com o resto... Os couratos que ninguém quis...
E segundo palavras do próprio: "Ouço PAÇOS... DEve ser o FERREIRA...  Tenho que comer rápido..."

3 comentários:

Sofia disse...

A imaginação não tem de facto limites :D

Nuno Feliz disse...

Hey! O Mourinho é teu avô????

Jesus!

Jay - O SRD disse...

Ó Nuno, neste blog não se fala mal do Mourinho. :)
Vê lá se queres que te aconteça como o outro... Que segunda-feira quando enfrentar os sócios, "vai levar nas orelhas!"